Curtir no Facebook

facebook

sábado, 24 de janeiro de 2009

Coragem


Não foi preciso coragem para iniciar o “Berelando...”. É lógico que havia o risco de não dar certo, das pessoas não gostarem ou entenderem errado a minha proposta.

Apesar de não precisar coragem para iniciar um jornalzinho feito para amigos, é necessário uma dose de pensamento proativo.

Às vezes, deixamos de agir por nos sentirmos inseguros quanto aos resultados de nossa ação. Desta maneira, preferimos “reagir” aos acontecimentos em vez de tomar atitudes. Vivemos a falsa segurança de um mundo sem desafios e defendemos aquele pouco que pensamos possuir. Isso gera ansiedade, medo, desilusão, infelicidade.

É preciso projetar nosso pensamento além do horizonte, agir em prol de um mundo melhor, em prol de nossa felicidade, ir à luta, fazer a nossa parte. Se não for capaz de fazer algo pelo mundo, ninguém mais o fará.

“A primeira qualidade do mundo espiritual é a coragem.” - Mahatma Gandhi

24 de janeiro de 2009.

5 comentários:

Rubens Alves Júnior disse...

viver é um ato de coragem!

Ve disse...

É interessante observar que a coragem surge quando decidimos enfrentar o que tememos, pois ela não é ausência de medo, ela é "filha" do arriscar, apesar de...

A coragem acompanha a realidade, não luta contra ela; não é sinônimo de agressão, é resultado da aceitação do que se pode fazer e do que não é possível mudar.

A coragem não reside somente em grandes ousadias, mas em pequenas conquistas diárias sobre o pessimismo, sobre a incompreensão, sobre o medo, sobre a rigidez de atitudes e idéias.

A coragem aparece quando, mesmo ansiosos perante o novo, continuamos em frente e nos aventuramos a viver o hoje, sem deixar que o medo do futuro paralise nossas vidas.

Ter coragem também é um exercitar diário, é uma escolha antes de tudo que, à medida que realizamos, faz com que nos tornemos mais confiantes e orgulhosos de nós mesmos.

Beijos
Ve

Valdecir disse...

Tenho um amigo que morreu recentemente. Ele de repente descobriu que as dores de estômago que sofria não eram somente gastrite e sim, câncer. Ele estava com o problema num estágio muito avançado quando descobriu. Tinha menos de quarenta anos e a vida lhe pregava uma peça no momento em que, casado e pai de duas crianças, estava começando a desfrutar o melhor da vida. Ele lutou pela vida com tudo o que podia até sentir que estava perdendo. Então, seguiu em frente. Trocou de carro, reformou a casa, ajustou o valor do seguro. Quando já não podia mais sair do hospital, escreveu à esposa uma lista de coisas que deveriam ser feitas, desde a pintura da casa, troca do piso da garagem, o colégio onde as crianças deveriam ser matriculadas, recomendações sobre como aplicar o dinheiro que ela receberia, pediu que insistisse na auto-escola para poder ir e vir com as crianças com maior conforto e coisinhas assim. Não pediu nada para si, não pediu orações e em nenhum momento os parentes e amigos o ouviram maldizer a vida, choramingar sua situação. E do seu jeito sereno de olhar a vida, sempre de bom humor, no final só restaram um pequeno alento, um sopro diminuto da enorme pessoa que ele fora em vida. Seu sorriso foi definhando e ficou assim pequeno, mas grande o suficiente para ver nele uma coragem que eu não tenho. E numa noite dessas, ele partiu. Mas ele vive ainda, naquela lista que escrevera, na qual sua maior virtude está presente: o desejo de dar conforto e segurança aos que ele amou em vida. No lugar dele, eu nem sei o que faria, mas tenho certeza, não teria a mesma coragem e a mesma presença de espírito que ele teve. Vá em paz, Reginaldo. Ilumine outros campos com seu sorriso e sua serenidade, como um dia você nos brindou por aqui.

ADNA disse...

"Coragem é o medo aguentando um pouquinho mais."
Ter coragem não é algo que requeira qualificações excepcionais, fórmulas mágicas ou combinações especiais de hora, lugar e circunstância. É uma oportunidade que, mais cedo ou mais tarde, é apresentada para cada um de nós."
"O segredo da felicidade é liberdade e o segredo da liberdade, coragem."
é acho que preciso de muita coragem...(risos)

Vivi Diniz disse...

Oiee
tem selo pra vc no meu blog!
vai la
beijos
byy