Curtir no Facebook

facebook

sábado, 8 de maio de 2010

Chuva

Apesar do cansaço da semana, este barulhinho de chuva no telhado me animou a escrever. É um som realmente mágico.

E como mágica, lembro que é preciso a chuva para que apareçam as flores e destas, os frutos que alimentam e geram novas plantas.

Apesar do cansaço, a chuva me lembrou que preciso cuidar do meu jardim, para que ele flora e assim colher e compartilhar os frutos, selecionar sementes e plantá-las na próxima estação.

Post concluído.

08 de Maio de 2010.

6 comentários:

Debora disse...

Minha "técnica" de cultivo favorita é a gratidão. :) Acredito que seja inclusive a mais eficiente.
Também gosto muito do barulho da chuva. Eu não sei direito, mas parece que todos nós entendemos intuitivamente alguma mensagem boa com a água caindo levemente.

Beijos!

Marcia disse...

A chuva foi comentada de forma tão delicada e poética que até deu para esquecer o lado ruim como o frio, o transito... Adorei!! Voce estava num momento poético!! Bjs e boa semana!!

Anônimo disse...

Neto, suas palavras sobre "chuva" foram tão sublimes que até me esqueci por alguns instantes, que existe uma m'boi mirim e uma segunda feira em nossas vidas... enfim: esqueci um pouco do dia a dia, e fiz uma regressão ao passado de como tudo era melhor.

André Queiróz

Tili Oliveira disse...

Querido amigo, a chuva é tão mágica que todos falam sobre algo de bom que ela lhes transmite ou transmitiu algum dia.
A chuva lava a alma, nutri a terra e o nosso coração. Faz nossa mente ouvir pra além dos sons inteiros, quebra-os em fragmentos que caem contínuos ao nosso redor, mas sem nos machucar.
A chuva meu amigo, é a própria vida retornando.
Boa semana querido, com enormes gotas de felicidade pra você.

Anônimo disse...

Lembrei-me da música:
"Olha como a chuva cai
E molha a folha aqui na telha
Faz um som assim
Um barulhinho bom
Faz um som assim
Um barulhinho bom
Água nova
Vida veio ver-te
Voa passarinho
No teu canto canta
Antiga cantiga
No teu canto canta
antiga cantiga"

Que no seu jardim sempre floresçam sabedoria, coragem e paz. Com pingos que lhe deixem infinitamente feliz!
Bjos (Feliz Aniversário! risos)
Diana.

Itamir disse...

Legal mesmo ate lembrei de um trecho de uma musica q diz assim:" Chora a natureza pródiga da chuva quando cai,pra lavar as impurezas são as lagrimas do pai...valeu Neto!